12º Dia – 22/10/2014

Copiapó/CH – San Pedro de Atacama: 850Km

Saindo de Copiapó, 75 km à frente, encontra-se a Bahia Inglesa, uma praia famosa no Chile e muito linda, de mar azul-turquesa, que mais parece o Caribe! Para chegar lá se deve sair da Ruta 5 (conforme indicação nas placas) e andar mais uns 7km, mas vale cada km do desvio do trajeto!!! Uma pena que chegamos cedo lá e ainda não tinha sol, a água não ficou tão azul nas fotos! 
Bahia Inglesa
Bahia Inglesa com sol! By Google

Logo depois o sol chegou, mostrando para o que veio!!! O sol é muito forte, para dirigir melhor usar camiseta com filtro solar, ou passar muito protetor! O calor é ameno devido aos fortes ventos!!! Andamos, andamos e andamos, poucos postos, a cada 200 km em média. A Ruta 5 muito boa, pista simples, porém um tapete! Quase chegando a Antofagasta há a escultura “La Mano del Desierto”, uma mão enorme construída no meio do nada, apenas o deserto! Muito legal a escultura, uma pena que o povo não respeita e está toda pichada!

 

Entramos em Antofagasta para almoçar e conhecer a cidade, é bem ajeitadinha! Mar de um lado, deserto do outro! “Dizem” que ás águas do mar são quentes, eu não conferi, mas não acredito muito.... heheeh Estávamos felizes, pois hoje chegaríamos em San Pedro de Atacama, o lugar mais desejado da viagem!!!
 
Antofagasta
Retomamos nosso trajeto, trocamos a Ruta, agora 25, bem estreita e sem acostamento, para chegar até Calama, já ao entardecer! Algumas voltas para conhecer a cidade, bem movimentada, apesar de pequena, e bem sem graça também!!! Mas tem aeroporto e para quem quer ir a San Pedro de Atacama de avião é o mais próximo. Quando partimos já era noite, andamos devagar, pois a altitude estava aumentando, chegamos a 3200 novamente.... o asfalto era bom e tranquilamente chegamos em San Pedro de Atacama por volta das 21 horas, totalmente perdidos, nas ruas estreitas e cheias de restrições para veículos. Andamos um pouco, e após pedir informação para as vans de turismo achamos nosso hotel, que devido à falta de sinalização não vimos quando passamos!!! Neste momento já estávamos encantados com a cidade! Logo saímos para jantar, pois nos disseram que os restaurantes fechavam às 22h. Adoramos tudo, a cidade, a comida, o restaurante, o hotel.... e depois de 950 km percorridos (com os passeios e desvios) só queríamos um bom banho e cama! 
Calama

Entardecer em Calama
 

Postagens mais visitadas deste blog

Porto Alegre – Mendoza – Santiago – Deserto do Atacama – DE CARRO!

Patagônia de carro!

Torres del Paine